Islão e Alcorão
Al Maidah 5/15

Al Maidah 5/15

Al Maidah 5/15

Ó adeptos do Livro! Veio a vós Nosso mensageiro[¹] que revela[²] muito do que tínheis escondido de vosso livro[³] e que deixa muito do que intactos[⁴]. Veio a vós de Deus uma luz e um livro evidente.

يَٓا اَهْلَ الْكِتَابِ قَدْ جَٓاءَكُمْ رَسُولُنَا يُبَيِّنُ لَكُمْ كَث۪يرًا مِمَّا كُنْتُمْ تُخْفُونَ مِنَ الْكِتَابِ وَيَعْفُوا عَنْ كَث۪يرٍۜ قَدْ جَٓاءَكُمْ مِنَ اللّٰهِ نُورٌ وَكِتَابٌ مُب۪ينٌۙ

Al Maidah 5/15
[¹] Ou seja, Nosso livro

[²] Os judeus esconderam muito do que estava em seu livro (Al An’am 6/91).

[³] Al An’am 6/91.

[⁴] Aqui é explicado como o Alcorão revogou os livros anteriores. Naskh (a revogaçao) é transmitir o texto de um livro para outro (al-Ayn). Se o autor dos dois livros for a mesma pessoa, ele transmite literalmente a maioria dos textos, e transmite algumas partes melhor. Por esse motivo, naskh ocorre o equivalente ou melhor. (Al Baqarah 2/106) Deus preservou as disposições dos livros anteriores em seu último livro (Ach Chura 42/13). O versículo acima afirma que alguns dos mandamentos nos livros anteriores foram escondidos e que Deus não os incluiu no Alcorão. O fato de que essas disposições não foram incluídas no Alcorão não remove a responsabilidade daqueles que acreditam nos livros anteriores. Algumas disposições desses livros foram substituídas por outras melhores. Por exemplo, embora os muçulmanos inicialmente jejuassem como os povos anteriores (Al Baqarah 2/183), algumas mitigações foram feitas posteriormente (Al Baqarah 2/187).

Ó seguidores¹ do Livro! Com efeito, Nosso Mensageiro chegou-vos, para tornar evidente, para vós, muito do que havíeis escondido do Livro², e para abrir mão de muito disso. Com efeito, chegou-vos de Allah uma luz e evidente Livro³;
 (Dr. Helmi Nasr, 2015)

[¹] Ou seja, os judeus e os cristãos. 
[²] Ou seja, da Tora e do Evangelho. 
[³] Evidente Livro: o Alcorão.
Ó adeptos do Livro, foi-vos apresentado o Nosso Mensageiro para mostrar-vos muito do que ocultáveis do Livro e perdoar-vos em muito. Já vos chegou de Deus uma Luz e um Livro lúcido¹,
 (Prof. Samir El Hayek, 1974)

[¹] Mubin: desejaríamos ter podido traduzi-la com uma palavra simples do que "lúcido". Porém, deverá significar tão-somente sucinto, que é o oposto de prolixo, sendo o Alcorão, contudo, o mais eloqüente entre os mais eloqüentes livros que a humanidade já teve a oportunidade de ler. "Claro" estaria também certo, porquanto significaria "não-ambíguo, evidente, não envolto em mistérios de origem, história, ou significado, aquele cuja essência as pessoas todas poderiam compreender, sem a intervenção de sacerdotes ou de gente privilegiada". Mubin possui todos esses significados.
Ó adeptos do Livro, Nosso Mensageiro veio expor-vos muito do que escondíeis do Livro e passar por cima de muito. Deus vos enviou uma luz e um Livro evidente,
(Mansour Challita, 1970)
Oh povo do Livro, a vós veio o Nosso Mensageiro que vos desvenda muito do que do Livro vós linheis conservado escondido e passa sobre muito. Na verdade a vós veio de parte de Allah uma luz e um claro Livro.
 (Iqbal Najam, 1988)
5- Sura Al Ma'idah

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120

Posts

Most Viewed Posts