Islão e Alcorão
Al Maidah 5/89

Al Maidah 5/89

Al Maidah 5/89

Deus não vos considera responsáveis pelos vossos juramentos que sejam não intencionais. Porém, vos considera responsáveis pelos juramentos que fizerdes com um determinado propósito. A sua expiação é alimentar dez necessitados[¹] da média do que vós alimentais vossas famílias ou vesti-los ou libertar alguém que está sob o jugo. Quem não puder encontrá-los deve jejuar três dias. Essa é a expiação de vossos juramentos. Mantende vossos juramentos. Assim Deus vos elucida os Seus versículos, para que possais cumprir vossos deveres.

لَا يُؤَاخِذُكُمُ اللّٰهُ بِاللَّغْوِ ف۪ٓي اَيْمَانِكُمْ وَلٰكِنْ يُؤَاخِذُكُمْ بِمَا عَقَّدْتُمُ الْاَيْمَانَۚ فَكَفَّارَتُهُٓ اِطْعَامُ عَشَرَةِ مَسَاك۪ينَ مِنْ اَوْسَطِ مَا تُطْعِمُونَ اَهْل۪يكُمْ اَوْ كِسْوَتُهُمْ اَوْ تَحْر۪يرُ رَقَبَةٍۜ فَمَنْ لَمْ يَجِدْ فَصِيَامُ ثَلٰثَةِ اَيَّامٍۜ ذٰلِكَ كَفَّارَةُ اَيْمَانِكُمْ اِذَا حَلَفْتُمْۜ وَاحْفَظُٓوا اَيْمَانَكُمْۜ كَذٰلِكَ يُبَيِّنُ اللّٰهُ لَكُمْ اٰيَاتِه۪ لَعَلَّكُمْ تَشْكُرُونَ

Al Maidah 5/89
[¹] /desesperados. 

Masaquín (المساكن) são pessoas cuja renda está abaixo da linha da pobreza, que estão em situação desesperadora e cuja necessidade é evidente em todos os sentidos. Como a medida mais baixa da fitra/fidyah que aqueles que podem jejuar é a comida dos necessitados (المساكن) (Al Baqarah 2/184), entende-se que os necessitados são os que estão no nível mais baixo ou na situação mais difícil entre os carentes. De acordo com o Alcorão, os necessitados (المساكن) precisam ser alimentados porque não podem satisfazer suas necessidades básicas (Al Qalam 68/24), que são ordenados a serem alimentados ou vestidos como expiação (Al Maidah 5/89-95, Al Mujadilah 58/4), que têm direito nas propriedades dos muçulmanos (Isra 17/26, Ar Rum 30/38), que se beneficiam de herança (An Nissa 4/8), pessoas que são solicitadas a serem doadas (An Nissa 4/36) e, portanto, participam de todas as itens de despesas obrigatórias ou voluntárias (Al Baqarah 2/177. 215, At Tauba 9/60, Al Insan 76/8).

Allah não vos culpa pela frivolidade em vossos juramentos[¹] mas vos culpa pelos juramentos intencionais não cumpridos. Então, sua expiação é alimentar dez necessitados, no meio-termo com que alimentais vossas famílias; ou vesti-los ou alforriar um escravo. E quem não encontra recursos, deve jejuar três dias. Essa é a expiação de vossos juramentos, quando perjurardes. E custodiai vossos juramentos. Assim, Allah torna evidentes, para vós. Seus sinais, para serdes agradecidos. 
 (Dr. Helmi Nasr, 2015)

[¹] Cf. II 225.
Deus não vos reprova por vossos inintencionais juramentos fúteis; porém, recrimina-vos por vossos deliberados juramentos, cuja expiação consistirá em alimentardes dez necessitados da maneira como alimentais a vossa família, ou em os vestir, ou em libertardes um escravo; contudo, quem carecer de recursos jejuará três dias. Tal será a expiação do vosso perjúrio. Mantende, pois, os vossos juramentos. Assim Deus vos elucida os Seus versículos, a fim de que Lhe agradeçais.
 (Prof. Samir El Hayek, 1974)
Deus não vos reprovará por vossos juramentos frívolos; reprovar- vos-á pelos juramentos que contratais deliberadamente e não cumpris. Vossa expiação será de alimentardes dez necessitados do que normalmente alimentais vossas famílias ou de os vestirdes ou de libertardes um escravo. Quem carecer de recursos, jejuará três dias. Tal será a expiação de vossos juramentos quebrados. Melhor seria, contudo, respeitar vossos juramentos. Assim Deus vos expõe as Suas revelações. Quiçá agradeçais.
(Mansour Challita, 1970)
Allah não vos pedirá conta daqueles dos vossos juramentos que sejam vãos, mas Ele vos pedirá conta pelos juramentos que vós fizerdes de boa fé. A sua expiação e então a alimentação de dez pessoas pobres com uma média tal de alimento como aquele com que vós alimentais as vossas famílias, ou o vesti-las, ou a libertação de um pescoço. Mas quem quer que não encontre os meios jejuará por três dias. Essa é a expiação dos vossos juramentos quando os tiverdes jurado, E mantende os vossos juramentos. Assim Allah vos explica os Seus Sinais para que vós possais ser gratos.
 (Iqbal Najam, 1988)
5- Sura Al Ma'idah

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120

Most Viewed Posts