Islão e Alcorão
Al Fatihah 1/5

Al Fatihah 1/5

Al Fatihah 1/5

(Ó Deus!) Só a Ti adoramos[¹] e só de Ti pedimos ajuda![²]

إِيَّاكَ نَعْبُدُ وَإِيَّاكَ نَسْتَعِينُ

Al Fátiha 1/5
[¹] Ser servo somente a Deus é o pico da liberdade e não ser servo-escravo para ninguém além d’Ele. Seja muçulmano ou não, todos são escravos de Deus. Muçulmano é apenas um escravo de Deus. Kafir (infiel – aquele que cobre a verdade) é escravo de outras coisas também.

Todos os mandamentos e proibições de Deus, boas ações e adorações são regras para fortalecer nossa vida e nossa personalidade. Se nossos problemas são devidos aos nossos pecados, são oportunidades para nos arrependermos, caso contrário, são provações que aumentam nosso grau de maturidade. Adoração é todas ações que são feitas para executar Suas ordens e evitar de Suas proibições.[²]Pedir ajuda somente a Deus: Assistência e colaboração é uma regra obrigatória da vida social. Deus ordenou uma mão amiga nesse sentido; “Auxiliai-vos na virtude e na piedade. Não vos auxilieis mutuamente no pecado e na hostilidade” (Al Máidah 5:2) O que é proibido é pedir ajuda de algumas pessoas no campo de Deus que pertence somente a Ele. O que significa, dar alguns dos atributos de Deus aos outros, pedir coisas aos outros que devem ser pedidos somente de Deus.

Só a Ti adoramos e só de Ti imploramos ajuda.
 (Dr. Helmi Nasr, 2015)
Só a Ti adoramos e só de Ti imploramos ajuda!
 (Prof. Samir El Hayek, 1974)
A Ti somente adoramos. Somente de Ti imploramos socorro.
(Mansour Challita, 1970)
A Ti só adoramos e a Ti só imploramos auxílio. 
 (Iqbal Najam, 1988)
Os Versículos de Al Fátiha - A Abertura

basmala 1 2 3 4 5 6 7

Most Viewed Posts