Uso de inaladores, como os utilizados por pacientes com asma, quebra o jejum?

Uso de inaladores de asma quebra o jejum

O Alto Comitê Turco dos Assuntos Religiosos tem as seguintes opiniões sobre o uso desses sprays:

A dosagem dos sprays, que é usada por pacientes com doença pulmonar, não é superior a 1/20 ml, o que é uma quantidade muito pequena. Parte considerável desta dose é absorvida pelas superfícies internas da boca e dos bronquíolos. Não há evidências científicas para provar que o resto do medicamento chega ao estômago através da saliva.  Mesmo que tenha atingido o estômago, é uma quantidade muito menor do que a quantidade de água que permanece na boca durante a ablução.  Isso é importante, porque existe um hadice (Darimi, Sawm, 21) a respeito do caso em que a água que permanece na boca durante a ablução e alcança o estômago, não quebra o jejum.  Há também o consenso (ijma) dos estudiosos do islamismo sobre esse assunto.
Além disso, é inevitável que partículas minúsculas e quantidades insignificantes de produtos químicos cheguem ao estômago depois de usar miswak também. É expressado em respeitosos recursos hadice que o Profeta Muhammad (ﷺ) usou miswak durante o seu jejum.
Além disso, a seguinte regra sempre se aplica: “a certeza não é anulada pela dúvida”.
A partir deste ponto de vista; Se os pacientes com asma não tiverem outras doenças para evitar que jejuem, os sprays orais que aliviam a inalação com o conteúdo de oxigênio não  quebram o jejum.

By | 2018-05-02T23:32:13+00:00 02/05/2018|Categories: Jejum|