Condições de Casamento Válido

Quais são as condições de um casamento válido?

Condições de Casamento Válido

Um casamento islâmico (nikah) pode ser realizado nas seguintes condições:

1- Ambos os lados devem estar livres de obstáculos para casar e ter capacidade legal.
2- Os dois lados ou seus guardiões ou representantes devem estar presentes ao mesmo tempo durante a proposta e aceitação.
3- As proibições do casamento nos versos An Nissá 23,24 e An Nur 3, que incluem as proibições sobre o parentesco de sangue e de leite devem ser observadas.
4- Não deve haver outras condições exigidas por nenhum dos lados que possam impedir o nikah.
5- A noiva e o noivo devem ter atingido a idade de maturidade (isto pode se tornar realidade na mesma idade ou após a puberdade.
6- Em conformidade com os versos An Nur 24: 3,5; Al Máida 5: 5 e An Nissá 4:24 tanto a noiva como o noivo devem ser castos.

Um nikah é válido desde o ponto de vista islâmico nas seguintes condições:
1- Supervisão e testemunho: veja a explicação abaixo
2- Acordo consensual para se casar: nenhuma menina/menino ou mulher/homem podem se casar contra a vontade dele/a.
3- Anúncio: casamentos, especialmente a cerimônia de nikah é realizada para anunciar o casamento. Portanto, nikah deve ser anunciado a todos.
4- Mahr (dote): a parte legal da noiva é dada à noiva pelo noivo. Não é uma condição para o nikah ser válido, mas o direito de mahr surge como um resultado natural do nikah para a noiva.

O Mensageiro de Allah disse:

“Não há casamento sem um supervisor (Wali) e duas testemunhas confiáveis. Um casamento realizado sem estes é nulo. Se não pudessem concordar, os funcionários autorizados são o supervisor. “ (Abu Davud, Nikah / Casamento, 20; Tirmizi, Nikah / Casamento, 14; Ibn Majah, Nikah / Casamento, 15; Ahmad Ibn Hanbal, Musnad, 6 / 66)

Um supervisor deve ser o pai da mulher, o avô, o filho, o irmão, o tio, etc., respectivamente. Se eles não são encontrados ou se recusam a cumprir seus deveres, o funcionário autorizado torna-se o supervisor.

Hoje, não existe em nenhum lugar do mundo que permita casamentos sem supervisão. Funcionários dos municípios, igrejas, sinagogas são exemplos de supervisores autorizados para o casamento. O Profeta Muhammad (saw) não exigiu walees para homens e bastava a aprovação de supervisores para mulheres, o que facilita o casamento e permite estabelecer famílias saudáveis.